multidão

Polícia usa bala de borracha para acabar com festa em Santa Catarina

Havia aproximadamente 500 pessoas no local

POR: UOL
Festa acontecia em local de difícil acesso no município de Tubarão
UOL

A Polícia Militar interrompeu e encerrou uma festa com mais de 500 pessoas em Tubarão, no sul de Santa Catarina. O incidente aconteceu na madrugada de ontem, após a PM receber uma denúncia anônima que inicialmente estimava a presença de cerca de 50 pessoas no local.

Ao chegar lá, os policiais militares se surpreenderam com a grande quantidade de pessoas, contrariando o isolamento social devido à pandemia do coronavírus. No estado, 81 pessoas morreram pelo vírus.

A festa estava acontecendo em um sítio de difícil acesso, na estrada Geral Linha Mesquita, bairro Sertão dos Corrêas. Dois veículos da polícia foram até o local. Entretanto, para ingressar no sítio, tiveram que percorrer um trecho a pé. Segundo a PM, havia um som automotivo em alto volume.

Houve correria com a chegada dos PMs, mas algumas pessoas não quiseram deixar o local. A polícia usou armas não-letais para dispersão: balas de borracha e granadas de efeito moral. Não houve feridos, de acordo com a PM.

Ninguém foi preso, mas o dono do sítio foi responsabilizado e vai responder processo em juízo. A corporação salienta que esta não é a primeira vez que ocorreu uma festas no sítio durante a pandemia e, cada vez, aumenta o número de pessoas presentes.

aglomeração Coronavírus Covid-19 distanciamento social pandemia Santa Catarina tubarão

Veja Também

Comentários