IFAL MARAGOGI

Simpósio debate produção de graviola no Litoral Norte de Alagoas

Serão 11 palestras nos dias 27 e 28 de novembro e o evento é gratuito voltado para agricultores

POR: Assessoria
Evento ocorre no Ifal, campus Maragogi
7Segundos

A produção orgânica da graviola e as perspectivas de mercado dessa cultura serão temas de palestras para agricultores do Litoral Norte de Alagoas nos dias 27 e 28 desse mês, no município de Maragogi. O Simpósio da Graviola Orgânica é um evento gratuito organizado por professores do curso de Agroecologia do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), campus Maragogi.

Na relação de 11 palestras, estão os problemas decorrentes pelo uso de agrotóxico na agricultura familiar, colagem, adubação e manejo do solo para a produção de graviola, além do uso de energia solar fotovoltaica no cultivo da fruta. A programação do dia 27 começa às 8h e termina às 17h30, no auditório do campus Maragogi, que fica localizado na praia de Peroba. Já na quinta-feira (28), o Simpósio ocorre das 8h às 12h. As inscrições podem ser feitas pelo @ifalmaragogi ou pelo link:https://www.doity.com.br/simposio-da-graviola-organica-do-ifalcampus-maragogi . No link, também é possível consultar a programação de palestras.

O coordenador do evento, Marcelo Cavalcante, afirmou que a ideia das palestras é levar informações aos produtores para melhorarem o processo agrícola. “Teremos a palestra que vai abordar os insetos polinizadores da graviola. O produtor - por falta de conhecimento e de orientação técnica - pensa que ele é uma praga, mas não é. Ele acaba colocando veneno na produção. Os debates do Simpósio vão orientar os produtores nessa cultura”, afirmou. A expectativa é que 170 pessoas devam participar das palestras.

Segundo Marcelo, o debate sobre a produção de graviola surgiu porque o cultivo dela é expressivo no Litoral Norte de Alagoas. A estimativa da Cooperativa de Pequenos Agricultores Organizados (Copeagro) é que existam 100 mil pés da fruta somente em Maragogi. Nas próximas edições do Simpósio, outras culturas devem ser trabalhadas em palestras ministradas por professores do Instituto Federal de Alagoas e de outras instituições de ensino e pesquisa voltadas à agricultura. 

campus Maragogi coopeagro graviola Ifal Ifal Maragogi Maragogi Simpósio

Veja Também

Comentários