FLIPOR

1º Festival Literário de Porto de Pedras faz sucesso em Alagoas

Abertura do evento ocorreu na Praça de Eventos

POR: Maurício Silva
1º Festival Literário de Porto de Pedras faz sucesso em Alagoas
Assessoria

Sucesso total: essas são as palavras que resumem a abertura do 1º Festival Literário de Porto de Pedras. O evento iniciou na noite desta quarta-feira (04), na Praça de Eventos, no Centro da cidade litorânea, e segue nesta quinta-feira (05) e sexta-feira (06). A participação para as atividades é gratuita.

A abertura na noite desta quarta-feira (04) contou com a apresentação Banda Fanfarra, apresentação de alunos da rede pública de Porto de Pedras e de brilhante recital de poesias. O prefeito Henrique Vilela ficou emocionado na abertura do evento.

Henrique Vilela garantiu total apoio ao evento na cidade turística alagoana. “Um futuro melhor de um povo e de uma cidade está no investimento na cultura e educação”, frisou. A secretária de Educação, Márcia Cunha, e o todo o governo municipal também estão dando apoio ao festival.

Nesta quinta-feira (05) a programação inicia simultaneamente às 10h da manhã na Biblioteca Pública Municipal, na Praça da Igreja Nossa Senhora da Glória e Na Praça de Eventos; às 15h as ações literárias vão ocorrer simultaneamente na Praça de Eventos e na Praça da Igreja Nossa Senhora da Glória; às 19h tem ações nas duas praças.

O primeiro Flipor leva o tema das letras à história, todo verso traz memórias e vai ter como principais gêneros literários o Romance, poesia e a literatura infantil, mas a programação vai ser extensa e contará com contos, crônicas, escrita através da imagem, romance regional e cordel.

Mais de 30 artistas, entre escritores, poetas, cordelistas e declamadores de poesias estarão presentes durantes os três dias. Os convidados especiais serão o ator Chico de Assis, o músico Petrúcio Baetto — com show Poesia e Música, a youtuber Sofia do canal Sol para espertos; o cordelista Jorge Calheiros e a escritora de Porto de Pedras Maria Cândida de Souza Cunha.

Escritor homenageado
Jorge Tenório nasceu em Palmeira dos Índios, Alagoas; aposentou-se recentemente e hoje se dedica exclusivamente à literatura, como romancista. É membro da Academia de Letras de Palmeira dos Índios e da Academia Alagoana de Letras.

Suas obras: O Sacripanta (2001), São José (2002), Guerra de tolos (2005), Armações do Capeta (2006), O ouro do Coronel (2012), A virgem do Alto dos Bodes (2015), Finados&Desafinados (2016), Vidas Tortas (2018) .

Confira aqui um vídeo de abertura: 

 

Galeria de Fotos


Festival Literário Flipor porto de pedras

Veja Também

Comentários