ECONOMIA

Petrobras quer sair da distribuição de gás até 2021

A empresa já abriu conversas e negociações com uma parceira do mercado, a Mitsui

POR: Jovem Pam
Petrobras tem lucro líquido recorde de R$ 18,9 bilhões no 2º trimestre
Agência Brasil

A Petrobras vai deixar em definitivo e completamente o mercado de distribuição de gás no país até o fim de 2021. A garantia foi dada nesta sexta-feira (2) pelo presidente da companhia, Roberto Castello Branco.

A empresa já abriu conversas e negociações com uma parceira do mercado, a Mitsui, de origem japonesa. As duas são donas de uma empresa, a Gaspetro, que tem participações acionarias importantes e relevantes nas empresas regionais.

De acordo com Castello Branco, a Petrobras tem dois caminhos sendo estudados: vender a participação de 51% da Gaspetro ou começa a vender as participações que tem a nível regional. Segundo ele, o foco da companhia será a produção do gás e a comercialização do insumo.

No segundo trimestre de 2019, a Petrobras teve um lucro recorde de quase R$ 19 bilhões. O crescimento foi de 370% em relação ao primeiro trimestre e de quase 90% em relação ao mesmo período de 2018.

Abandono economia estudos negociações Petrobras

Veja Também

Comentários