DEPUTADA FEDERAL

Tereza Nelma mantém posicionamento e vota contra reforma da Previdência

Texto da foi aprovado por 379 votos

POR: Maurício Silva
Tereza Nelma
Assessoria

O plenário da Câmara dos Deputados votou a reforma da previdência nessa quarta-feira (10) e, mesmo sob pressões, a deputada federal Tereza Nelma manteve seu posicionamento e disse não ao texto da reforma. No entanto, apesar dos esforços, o texto foi aprovado com 379 votos.

Tereza Nelma reafirma que, mesmo com as mudanças acatadas pelo relator, os privilégios permaneceram. “Desde o início, quando o texto foi apresentado pelo governo, foi muito injusto com os trabalhadores, os pobres e mais vulneráveis. Durante a tramitação conseguimos avanços com o BPC, os trabalhadores rurais e pontos importantes para as mulheres, através da bancada feminina. Mas que, infelizmente, não foram suficientes para combater os privilégios”, disse.

A deputada diz também que seus eleitores não poderiam esperar outro posicionamento, diante de sua trajetória de lutas. “Eu não posso trabalhar pela construção de políticas que prezam pela igualdade e votar por uma reforma que permanece elitista. Não acho justo que o povo tenha que pagar essa conta!”.

Ainda na noite desta quarta-feira, os deputados votaram o destaque que tratava de mudanças na aposentadoria dos professores. Mas foi rejeitado em votação. Amanhã, quinta-feira (11), demais destaques devem ser analisados em plenário.

deputada federal reforma da previdência Tereza Nelma

Veja Também

Comentários