POLÊMICA

Câmara de São Miguel dos Milagres debate ‘privatização’ de ponto turístico

Cruzeiro existe desde a Invasão Holandesa e proprietário pretende cobrar acesso

POR: Maurício Silva
Câmara de São Miguel dos Milagres debate ‘privatização’ de ponto turístico
Reprodução / Facebook

Os nove vereadores da Câmara Municipal de São Miguel dos Milagres, na região Norte de Alagoas, debatem na manhã desta quarta-feira (3) um tema polêmico: a cobrança do acesso a um dos pontos turísticos mais famosos da cidade litorânea, o Cruzeiro. O equipamento existe desde a Invasão Holandesa, no século 17.

A pretensão da proprietária do terreno que leva ao acesso do ponto turístico vem causando muita polêmica na cidade. Os moradores estão revoltados e exigem um posicionamento firme dos parlamentares e do governo municipal. Os bugueiros são os mais preocupados com iniciativa da proprietária do terreno.

Diversos bugueiros foram à sessão na cidade e estão cobrando um posicionamento firme dos vereadores. A classe dos bugueiros também está sendo representada pela associação. Segundo eles, será feita uma cobrança de R$ 10,00 para o acesso ao ponto turístico localizado na região central da cidade turística.

O Cruzeiro de São Miguel dos Milagres é um dos pontos mais conhecidos da famosa Rota Ecológica e é palco de várias festas na cidade litorânea. O local é palco também da famosa Festa do Cruzeiro, que reúne milhares de pessoas na cidade.

Câmara Municipal cruzeiro ponto turístico São Miguel dos Milagres

Veja Também

Comentários