ULTRAPASSADO

3G pode ser desligado em até 4 anos no Brasil

Com uma melhora da cobertura do 4G no país, a substituição acaba sendo natural

POR: Notícias ao Minuto
Com uma melhora da cobertura do 4G no país, a substituição acaba sendo natural
Reprodução

Uma nova tecnologia vem ganhando espaço no Brasil e, muitas vezes, despercebidamente. Você pode nem reparar, mas se trocou de celular nos últimos tempos, é possível que também já não seja mais usuário das conexões 3G.

Com uma melhora da cobertura do 4G no país, a substituição acaba sendo natural. Com o alcance da alta velocidade de evolução tecnológica nos últimos anos, o sinal de 3G no território brasileiro pode ser desligado antes mesmo do 2G, afirma o conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Leonardo Euler de Morais.

Morais argumenta que o 3G está sofrendo um declínio significativo de uso, como demonstram as curvas de tendência da Anatel, de acordo com o site Teletime, noticia o Tec Mundo.

Já a conexão 2G é significativa para diferentes tipos de aplicações, e é muito provável que continue ativa por mais tempo.

O profissional da Anatel estima que o sinal de 3G pode ser aposentado nos próximos 4 anos, enquanto o outro ainda não possui uma previsão de desligamento.

De acordo com o Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações de 2018, o 3G ainda é dominante no Brasil, sendo usado por 95% dos brasileiros, mas o 4G já está nos centros urbanos que concentram mais de 72% da população nacional.

3G celular sinal tecnologia

Veja Também

Comentários