ADIOU

Justiça suspende reintegração de posse de terra em Porto Calvo

Moradores de assentamento na Mata Redonda seriam removidos do local

POR: Maurício Silva
Reintegração de terra foi suspensa pela Justiça em Porto Calvo
Cortesia ao 7Segundos

A justiça suspendeu a reintegração de posse de terra em Porto Calvo, região Norte de Alagoas, que aconteceria na manhã desta quinta-feira (17). Os assentados que estão na Mata Redonda, zona rural do município, seriam removidos hoje. O motivo da não remoção é por causa das fortes chuvas que cairam na região nos últimos dias.

O assentamento na Fazenda Mata Redonda conta com 102 famílias assentadas. Os assentados seriam removidos hoje pela manhã, mas devido as fortes chuvas que atingiram Porto Calvo e região, a remoção foi suspensa e uma nova data será marcada pela justiça. As pessoas que vivem no local são trabalhadores rurais ligados à reforma agrária.

O acampamento fica a cerca de 10 km da Rodovia AL - 105 Norte e há 13 km da cidade de Porto Calvo. No local não há sinal de sistema de telefonia e dificulta comunicação. Os trabalhadores rurais plantam macaxeira, batata doce, feijão, entre outras. Os militares fizeram um levantamento de campo nos dias 10 e 11 desse mês. 

Os policias do 6º Batalhão da Polícia Militar (6º BPM) estavam prontos para cumprir o mandato judicial. A estrada vicinal ficou com muita lama depois das chuvas e o acesso ao local está bastante dificultado. A Mata Redonda também fica próximo ao município de Porto de Pedras.

O capitão Vieira disse a tropa da Polícia Militar já estava pronta para cumprir o mandato judicial, mas com o aviso de suspensão, teve que suspender a ação dos militares.

justiça Mata Redonda Porto Calvo reintegração de posse

Veja Também

Comentários